A partir de amanhã, o uso de máscaras passa a ser obrigatório nos serviços essenciais. Nas ruas, o uso é recomendado, para todos.

O decreto 8.117 de 20 de Abril de 2020 torna obrigatório o uso de máscaras, por funcionários e clientes de estabelecimentos de serviços essenciais. Na rua, a Prefeitura recomenda o uso para todos.
A Prefeitura também determinou que os clientes dos locais devem higienizar as mãos no estabelecimento com álcool em gel.
O uso da proteção facial também se aplica ás agências bancárias, casas lotéricas e outros serviços regulados pelo estado ou prefeitura.


A mesma determinação vale ainda para usuários de transporte público, táxi, mototáxi, transporte por aplicativo e também para escritórios, clínicas e estabelecimentos onde há manipulação de alimentos, mesmo que seja apenas pelo sistema delivery.
A Vigilância Sanitária explica que o coronavírus pode ser espalhado por gotículas suspensas no ar, quando pessoas infectadas conversam, tossem ou espirram.
Estas gotículas podem ter sua distribuição diminuída, pelo usos de máscaras que atuam como barreiras física, diminuindo a exposição e o risco de infecção para a população em geral.
“Usar uma máscara como medida de proteção é mais uma ação que o cidadão pode fazer além das demais medidas preventivas”, afirma o médico e Secretário Municipal de Saúde, Márcio Stievano.
Especialistas apontam que medidas para reduzir transmissões têm grande impacto na atual pandemia, especialmente quando combinadas com medidas preventivas adicionais, que SÃO ABSOLUTAMENTE NECESSÁRIAS, como higienizar as mãos e adotar as medidas de higiene respiratória/etiqueta da tosse: se tossir ou espirrar, cobrir o nariz e a boca com cotovelo flexionado ou lenço de papel.
O Decreto Municipal nº 8.115/2020 determina que as empresas em geral devam fornecer máscaras aos seus funcionários e exigir que as usem como medida de proteção.

Desta forma, fica determinado que independente da atividade, da característica do serviço, e de estarem abertos ao público ou somente realizando serviços internos, todos trabalhadores devem usar máscara de proteção durante sua jornada de trabalho, inclusive os trabalhadores da Construção Civil e também manipuladores de alimentos.

Porém, vale estar atentos às regras básicas que devem ser seguidas:

a. a máscara é de uso individual e não deve ser compartilhada;
b. as medidas de higiene e a limpeza das máscaras não profissionais em tecido e a eliminação periódica das descartáveis são ações importantes de combate à transmissão da infecção;
c. fazer a adequada higienização das mãos com água e sabonete ou com preparação alcoólica a 70% constantemente e antes e depois da manipulação da máscara (cubra todas as superfícies de suas mãos e esfregue-as juntas até que se sintam secas);
d. assegurar que a máscara está em condições de uso (limpa e sem rupturas);
e. tomar cuidado para não tocar na máscara, se tocar a máscara, deve executar imediatamente a higiene das mãos;

f. cobrir totalmente a boca e nariz, sem deixar espaços nas laterais;
g. manter o conforto e espaço para a respiração;
h. evitar uso de batom ou outra maquiagem ou base durante o uso da máscara.
IMPORTANTE: mesmo de máscara, mantenha distância de mais de 1 (um) metro de outra pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: