Governo do Estado de São Paulo avança o Vale do Paraíba para a Fase Amarela

Bares, restaurantes, lanchonetes podem ser abertos a partir do dia 8 de Agosto, durante 6 horas e com ocupação de 40% até 17h. Ocupação no comércio também aumenta, com abertura diária por 6 horas. Salões de Beleza, Academias e Parques, também voltam a funcionar por período determinado.

Bares e restaurantes, salões de beleza e academias, em todo o Vale do Paraíba, poderão funcionar também presencialmente, a partir deste sábado, dia 8 de Agosto.

O Vale do Paraíba – bem como outras 8 regiões do Estado de São Paulo – passou para a terceira fase, a amarela, do plano de retomada gradual da atividade econômica.

Com a mudança de fase, o funcionamento presencial de quase todas as atividades econômicas estará liberado, porém limitados a 40% de ocupação e 6 horas diárias. Para as academias, a capacidade é de 30%.

O anúncio foi feito nesta sexta, 7 de agosto, pelo Governo do Estado de São Paulo em entrevista coletiva. Cumprindo o que determina o Plano São Paulo, o horário de funcionamento dos restaurantes não poderá ultrapassar as 17h. O horário de funcionamento será definido em Decreto que será publicado ainda hoje.

“A partir da reclassificação do Vale do Paraíba, pelo governo do Estado, em Campos do Jordão estes estabelecimentos também poderão abrir e incluiremos, na cidade, os parques. Os protocolos de funcionamento para os novos setores já foram elaborados pelo Comitê de Gestão Estratégica e pelas Secretarias Municipais de Saúde e Turismo. As novas regras deverão ser editadas ainda hoje, junto com o Decreto Municipal que irá definir os horários de funcionamento”, afirmou o prefeito Fred Guidoni.

Melhora nos indicadores

Ainda que Campos do Jordão esteja apresentando um crescimento no número de casos, também há uma melhora nos indicadores, com o aumento de pessoas curadas e diminuição de pessoas hospitalizadas. O Governo do Estado também investiu em mais leitos e respiradores para as UTIs na região e a ocupação hospitalar também baixou.

Outro ponto que cabe destaque é o aumento substancial no número de exames feitos na cidade.

Campos do Jordão já realizou quase três mil testes e exames para detecção da Covid-19.  Significa dizer que quase 6% da população já foi testada. Se por um lado, mais testes implicam em mais casos, por outro, a cidade tem um controle melhor da contaminação.

De acordo com o boletim divulgado hoje, a ocupação dos leitos das unidades de terapia intensiva está em 60%. Na última avaliação feita pelo governo estadual, o nível de ocupação era de 72%. Este fator foi decisivo na mudança de fase, já que o plano São Paulo prevê que a nova fase de flexibilização só poderia acontecer, caso o uso das UTIs esteja abaixo de 70%.

Protocolo para reabertura

As associações que congregam o setor de Bares e Restaurantes enviaram ao Comitê de Gestão Estratégica proposta com os protocolos de segurança para a reabertura. O documento já foi avaliado pelo comitê, que também definiu os protocolos para o funcionamento de salões de beleza, academias e parques.

Entre as normas propostas para os Restaurantes, além do distanciamento entre as mesas de 2 metros e 1 metro de cada cadeira, também há a recomendação de que os administradores tenham atenção à saúde dos funcionários para evitar que as pessoas trabalhem doentes. O documento, que deverá ser editado ainda hoje, vai prever a adoção de escala para que funcionários que tiverem filhos sejam menos prejudicados com a volta às atividades em um momento que as escolas e creches permanecem fechadas.

Com a cidade mudando de fase, o Comércio não essencial, passará a funcionar, todos os dias por seis horas. Também haverá aumento na capacidade de atendimento que passa de 20% para 40%.

Para as academias, o funcionamento é também de 6 horas consecutivas, mas a ocupação passa para 30%.

O prefeito Fred Guidoni salienta que a abertura dos estabelecimentos não é um convite para aglomerações e também não é um relaxamento da quarentena. “A quarentena continua e pedimos às pessoas que puderem, continuem em casa e que saiam às ruas somente quando necessário e que usem máscaras. Também é importante respeitar os horários, para que de forma segura, precisa, continuemos a avançar. Temos ainda duas fases pela frente e precisamos nos esforçar para não voltar para a fase laranja, ou vermelha, como já aconteceu com outras regiões, onde tudo foi aberto e tiveram que ter um lockdown mais severo”, afirma o Prefeito.

Retomadas das Aulas Presenciais

A coletiva também trouxe a informação de que as aulas presenciais só serão retomadas no dia 7 de outubro, a depender ainda da evolução da pandemia. O Reforço Escolar será possível a partir do dia 8 de setembro, porém somente para as cidades que estejam há 28 dias na fase amarela, o que não é o caso de Campos do Jordão.

“O retorno escolar é importante não apenas para o conteúdo dos ensinamentos, mas também por uma questão social e de segurança alimentar. Mas só iremos retomar quando for absolutamente seguro para os alunos, professores e demais trabalhadores da Educação”, disse o prefeito.

A Secretaria de Educação já está se preparando para a compra de EPIs para os funcionários e alunos, quando for seguro voltar com as aulas presenciais.

Um comentário em “Governo do Estado de São Paulo avança o Vale do Paraíba para a Fase Amarela

  1. Inacreditável. A curva subindo em Campos do Jordão e esse governo flexibilizando. Loucos. Irresponsáveis. Espero que os familiares das vítimas processem esse estado inconsequente.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: