Campos do Jordão e região voltam para a fase Laranja, do Plano São Paulo

O aumento de casos, internações e mortes por COVID-19 em todo o Estado de São Paulo levou o governo do Estado a uma nova reclassificação das regiões. 10 regiões que estavam na Fase Amarela, regrediram para a Fase Laranja. E a região de Marília, passou para a fase vermelha do plano, a mais restritiva, com abertura apenas do serviços essenciais.

A região de Taubaté, voltou à fase laranja do Plano São Paulo, com uma ressalva: com mais de 80% de ocupação em UTI, a região poderá ser reclassificada, a qualquer tempo, caso não haja melhora  nos índices de saúde. A reclassificação se baseia em dados técnicos e na recomendação de médicos e cientistas do Centro de Contingência do coronavírus.

Reunião com o Comitê e mais vagas Covid-19

O Prefeito Marcelo Padovan se reuniu, no final da tarde de hoje, com o vice-prefeito Caê, o secretário de Saúde Marcus Vinícius, o Secretário de Turismo André Barbêdo e o gestor do Hospital Municipal Keyterlon Cláudio Mastrandrea. Amanhã, uma nova reunião acontecerá com representantes do setor de comércio, turismo e legislativo. Na segunda-feira, dia 18, quando passa a vigorar o Decreto Estadual é que a Prefeitura editará as regras para a nova fase, com a publicação de um novo Decreto Municipal.

Ampliação de Leitos Covid-19

A Prefeitura mantém, no Complexo Municipal de Saúde, 55 leitos. Destes, 7 estavam reservados para o tratamento de Covid-19. A partir de amanhã, a Prefeitura abre mais 7 leitos para a doença, passando para 14 leitos Covid. Com isso, vai duplicar a capacidade de atendimento para pacientes com a doença confirmada ou com suspeita.

A licitação para contratação de médicos que irão operar na UTI de Campos do Jordão está em processo final de licitação, depois de muitos recursos e disputa entre os concorrentes. A expectativa da Administração é colocar em funcionamento os leitos, ainda neste mês.



O que pode abrir na fase laranja

Na fase laranja, academias, salões de beleza, restaurantes, cinemas, teatros, shoppings, concessionárias, escritórios e parques estaduais podem funcionar por até oito horas diárias, com atendimento presencial limitado a 40% da capacidade e encerramento às 20h.

O que fecha
O consumo local em bares está totalmente proibido e a venda de bebidas alcoólicas no comércio varejista só pode ocorrer entre 6h e 20h.

O Centro de Contingência também recomendou que todos os 645 municípios paulistas endureçam regras para reuniões de trabalho em locais fechados, com limite máximo de 25 pessoas e distanciamento mínimo de 1,5 metro. Eventos sociais e familiares também devem ser evitados devido ao recrudescimento da pandemia. O uso de máscaras em todos locais de acesso público continua a ser obrigatório.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: